sexta-feira, 9 de setembro de 2011


Se der vontade de cantar, cante
Se der vontade de gritar, grite
Se der vontade de chorar, chore
Se der vontade de sorrir, sorria
Se der vontade de mudar,  mude
Se der vontade de desistir....DESISTA dessa vontade...

5 comentários:

Ma Ferreira disse...

Desistir?? as vezes desisto..
nao por covardia..mas para econimizar eneria pra coisas mais produtivas..

beijos...

placco araujo disse...

Doce Paula...
Sinto falta dos seus comentários sempre para cima..
Eu tenho andando meio com saudade, até de mim...
mas pelo menos, não desisto.... NUNCA é muito tempo, mas tento ir neste caminho..

Um beijo

Edson

Paula Moraes disse...

Obrigada pela visita amigos...=)

Andre Martin disse...

Este seu post me lembro uma música-poema de Lenine, que reproduzi aqui:
http://famainfame.blogspot.com/2010/04/se-quer-ler-palavras-que-em-rima.html

Sopa de Letrinhas da Leninha disse...

Ah! desistir é tão difícil, porém as vezes faz-se necessário...

Postar um comentário